quinta-feira, agosto 25, 2005

Morango e chantilly.


Garcia estancou ao vê-la. Comia um morango com chantilly e ouvia “Je T´aime” com volúpia, com a cadeira virada de lado para a mesa, onde estava a garrafa e duas taças servidas de champanhe. O ambiente estava à meia luz, e ela vestia uma lingerie nova vermelha, justa, especialmente apertada nos seus seios macios e generosos. ”Puta que pariu!” escapou-lhe de súbito, o que provocou em Helena um riso sacana, de canto de boca, enquanto chupava com lenta vontade o morango.
Garcia percebeu a interpreção errada à sua reação. Não era na verdade entusiasmo, e sim realmente susto da situação inesperada. Não sabia o que fazer.
Há três meses estava com tudo planejado, certo, e aquela manhã despediu-se como em todas as outras para ir ao trabalho. Não foi. Buscou Clarice, loira fatal e fogosa, secretária de um dos colégios para os quais ele ensinava, e passou a tarde inteira no motel. Deu oito, conta exata. Estava completamente exaurido. Exaurido, feliz, e relaxado demais para reagir à altura daquela situação.
Além disso, passava-lhe pela cabeça que era coincidência demais, justo nesse dia, aquela história de recepção calorosa.
Na indecisão do que fazer, quando se deu por conta, Helena já havia colocado-o sobre a cadeira e beijava-o, com um morango entre os dentes.
E ficava mais e mais difícil de pensar enquanto ela passou chantilly em sua bochecha, lambeu, perguntou cochichando em seu ouvido “gostosa, meu amor?”, pegou a mão dele e colocou entre suas pernas, e ele sentiu-a molhadinha. O coração disparado, mas, como ele imaginava, o “Juninho” nem sinal. O desespero o tomava cada vez mais e “Carrrrhhhr!”.
Ele começou a tossir ao engolir a fruta, afastando-a atabalhoadamente. “Foi o morango, meu bem?”
Continuava sentado, tossindo, com uma das mãos próxima à traquéia, e a outra apontando para a geladeira.
Ela trouxe água e ele pareceu engasgar-se ainda mais ao beber. Levantou-se, e cambaleante, foi ao banheiro onde, com o dedo na garganta, forçou o vômito várias vezes, na privada.
Ela acompanhava-o de meio metro de distância, apoiada na pia.
Ele, após vomitar até a bílis, abriu o chuveiro, pegou o sabonete e deitou-se no boxe.

- Melhorou, meu bem?
- Arc. É. Porra de morango. Queimou minha garganta toda.
- Vou fazer um café com leite para você.
- Faz um misto também, por favor.

Pensava consigo mesmo que a solução havia sido razoável. Se ela já havia descoberto e estivesse jogando com ele, ele jogaria até o fim. Ao menos não deixava ela caracterizar o flagrante, com a brochada. Ele não brochava nunca – pelo contrário, fazia questão de dar no mínimo três, e geralmente não era esforço. Seria inconteste.
Já avaliava que o dia tinha sido ótimo, por fim: trepou até não agüentar, com a gostosa da Clarice, se salvou de uma boa, e era história para as mesas de bar depois, e estava tomando seu banho enquanto Helena servia um misto e um café. O misto de sua esposa era uma especialidade, algo indescritível aos que nunca experimentaram.
Estava deitado pensando isso quando ouviu na sala o barulho de mensagem no celular.

- Meu bem. Mensagem de... GOSTOSO?!? ESSA TARDE?!? QUEM É CLARICE REIS, GARCIA? JUNINHO??! ELA SABE QUE O NOME É JUNINHO!!

Enquanto passava o xampu anticaspa ele pensava que não devia ter desconfiado de sua esposa – ela não sabia nada. Pensava também que devia ter mais cuidado com celular, e se dormiria na casa da mãe ou do irmão essa noite.

[]´s

8 comentários:

Leila disse...

misto, café com leite, xampu anticaspa...... sei......

Roberta disse...

Biográfico isso é???? huahuahua

Viajante14 disse...

muuuiitto bom =D ri pra caramba aqui

filho disse...

ou seja... que grande cagada.

Vinicius disse...

brochar nunda. Aconteceu algo parecido comigo, mas não brochei (que fique bem claro)!

Mas eu também sou assim...

Leonardo Caldas disse...

e é por isso que faço de público minha reverência ao meu juninho (que na verdade, nem juninho é, mas passa a ser pra efeito de reverência :))
e parabéns mais uma vez ao baiano e sua excelente veia humorística!

Mary disse...

Leila disse...

misto, café com leite, xampu anticaspa...... sei......


Hehehehe :P

Anônimo disse...

I have been looking for sites like this for a long time. Thank you! » »